Cuidados que devemos ter para evitar que os cães fiquem escorregando em pisos mais lisos. - Planeta dos Animais

Cuidados que devemos ter para evitar que os cães fiquem escorregando em pisos mais lisos.

- dezembro 01, 2018



Manter as unhas e os pelos das patas sempre aparados são os principais cuidados que devemos ter para evitar que os cachorros escorreguem em pisos lisos



Alguns tipos de pisos, como azulejos, laminados e porcelanatos lisos, podem fazer os cachorros escorregarem bastante, principalmente os cães já idosos, que apresentam com mais frequência problemas nas articulações.

É comum vermos até em vídeos os animais escorregando sozinhos por conta do piso e até caindo. O que algumas pessoas não sabem é que dependendo da força ou da idade do animal, as quedas e escorregões nesses pisos lisos podem causar lesões simples e até problemas bem mais sérios nos pets.


Pensando em proteger ainda mais seu amado animal, nós trouxemos algumas dicas para evitar que o seu cachorro escorregue tanto nos pisos.


1 – Apare as unhas do cachorro regularmente

Quando maior a unha do animal, mais difícil será para ele andar nesse tipo de piso (e também nos outros) e essa dificuldade favorece escorregões e quedas. Com as unhas curtas, os cães podem estabilizar sua postura ao caminhar nas almofadas das patas e vão caminhar da forma correta e com mais segurança.

2 – Mantenha os pelos das patas sempre curtos

Quando os pelos das patas dos animais ficam muito grandes, eles acabam entrando entre os dedos e ficando entre as almofadas das patas e o chão. O atrito dos pelos com o chão torna o piso ainda mais liso e propenso a escorregões e quedas. Manter os pelos das patas sempre aparados ajuda na segurança do animal e evita que ele fique escorregando ao correr e caminhar.


3 – Proteja o local onde o animal dorme

Você já reparou se seu cachorro escorrega ou tem alguma dificuldade para se deitar ou se levantar? Isso acaba acontecendo muito com animais idosos. Para eles, certos movimentos já são mais difíceis por conta da idade, quando vivem em pisos lisos tudo fica ainda mais complicado.



Uma dica para facilitar a vida dos cães idosos, que gostam de dormir bastante e sentem dificuldades em deitar e levantar, é utilizar carpetes ou tapetes antiderrapantes nessas áreas onde eles costumam dormir mais.


4 – Cuidado com as escadas


Escadas com pisos escorregadios podem ser ainda mais perigosas para os cachorros, principalmente os mais velhos. Se não for possível colocar um carpete em toda essa área, o ideal é colocar portinhas, no andar de cima e no de baixo, para restringir o acesso do cão e para evitar que eles andem sozinhos ou até correndo por aí.

Fonte: portaldodog
Advertisement