Menino sofre bulliyng por sua aparência diferente. Então ele conhece um cão que muda sua vida.

- março 16, 2019





Ás vezes ficamos a pensar na nossa vida… Já imaginou a sua vida sem seu animal de estimação? Se você tem um cachorrinho como animal de estimação então você é uma pessoa de sorte, não é mesmo?



Em certos momentos da nossa vida, tudo aquilo que nós precisamos é de um amigo canino que nos compreenda. As pessoas por vezes julgam demasiado, já os cachorros são apenas companheiros, ouvintes, fiéis… Tudo aquilo que nós precisamos e só podemos encontrar neles.

Quaden Bayles tem apenas 5 anos de idade. Ele é uma criança com uma condição especial. Ele tem nanismo e vive na Austrália.


Por causa de sua condição especial, Quaden sofre de bullying. Como ele é criança, por vezes é difícil colocar em palavras aquilo que sente, até mesmo com seus pais. Um dia, seus pais trouxeram para casa um patudinho de um abrigo, chamado Buddy.



Ele é um Shit Tzu, que também sofre de nanismo- Acondroplasia.


Logo após se conhecerem, esses dois amigos se tornaram inseparáveis. O vinculo tornou-se tão forte que Quaden restaurou sua confiança novamente e agora é ele quem comanda sua vida.



“Quaden agora orgulhosamente aceita que ele é anão, porque Buddy lhe deu essa confiança para pensar que é legal”, disse Yarraka Bayles, sua mãe. “Então ele diz a todos: “Meu cachorro tem nanismo como eu” e é a primeira vez que nós, nos cinco anos de vida de Quaden, o ouvimos dizer a palavra, porque não temos permissão para dizer nanismo ou acondroplasia”.



Buddy tem tido um papel muito importante na vida desta criança. Recentemente Quaden perdeu seu pai que já estava bastante doente com câncer.

“Buddy faz todos felizes. Ele tira todo mundo da cama e acaba por nos devolver toda a alegria e amor perdidos desde que meu pai faleceu “, disse Bayles.




Buddy é a mascote da família mas acima de tudo ele é um pilar para todos. Hoje Quaden é feliz e consegue frequentemente brincar e divertir-se na rua, coisa que antes não lhe era possível.


Até hoje, o menino já passou por 8 intervenções cirurgicas e é obrigado a andar em uma cadeira de rodas, devido a um dano nervoso e tônus muscular. A ajuda que o hospital tem dado é imprescindível. O melhor de tudo é que permitem que Quaden mantenha Buddy consigo, enquanto fica internado.

Essa é sem dúvida uma história de superação. Ainda bem que nossos amigos caninos têm estes poderes “mágicos”. Compartilhe com seus amigos e familiares para que eles possam conhecer a história de Quaden e Buddy.

 via: Histórias com Valor
Advertisement