Câmera de segurança flagra vândalo quebrando casinha dos cães de rua e causa indignação.

- maio 09, 2019


O ato de vandalismo aconteceu no centro de Campo Mourão, em frente a uma loja de calçados, no calçadão.

As imagens foram publicadas pela dona do estabelecimento e causaram indignação entre nas redes sociais.

Através das imagens da segurança da loja, é possível ver que um jovem de boné aparece em frente ao estabelecimento, no domingo, dia 5, às 3:37 hr. e quebra o telhado da casinha com um chute.

A proprietária do estabelecimento, Sandra Curriel, que mantém duas casinhas, há 3 anos, com água e ração para cães de rua, disse que registrará um boletim de ocorrência, na polícia civil.

Sandra contou que quatro cachorros, Vovô, Serzinho, Ser Humaninho e Meninona costumam dormir no estoque da loja. De acordo com ela, essa é a segunda vez que uma das casinhas foi alvo de vandalismo.

Sandra contou que a pessoa que quebrou a casinha da primeira vez, se redimiu e comprou outra.

“É uma situação difícil, pois são vândalos e a preocupação é de que eles podem fazer algo ruim com os cãezinhos, com as funcionárias ou mesmo com a loja“, comentou Sandra.

O delegado Nilson Rodrigues da Silva, da décima subdivisão policial de Campo Mourão, disse que a polícia está trabalhando para identificar o autor do crime e está aguardando a comerciante para fazer o boletim de ocorrência.

O artigo 163 do código penal prevê detenção de 1 a 6 meses ou multa para quem destruir, deteriorar ou fazer uso de coisas alheias.

O caso repercutiu muito nas redes sociais, depois que Sandra publicou as imagens da casinha quebrada e dos cães que ela abriga em seu estabelecimento.

“Quanta maldade de quem fez isso, essa pessoa deve ser um monstro”, foi um dos vários comentários na publicação.

Para Simone, gerente de loja, que também mantém uma casinha em frente da loja que trabalha, comentou: “Fiquei indignada porque fazemos de tudo para ajudar os animais de rua. A pessoa que estragou a casinha não tem coração.

Esperamos que esse vândalo seja reconhecido e pague pelo mal que fez. Se alguém souber de alguma coisa, por menor que seja, para ajudar na investigação, entre em contato com a polícia.

Fonte: euamooscachorros / Redação
Advertisement