Lobo é resgatado quase congelado: “Pensávamos que era um cachorro”.

- 4:17 PM





Nesta quarta-feira, dois trabalhadores de obras na Estônia salvaram um animal quase congelado do rio. Rando Kartsepp, Robin Sillamäe e Erki Väli estavam trabalhando em dragagem quando notaram o que parecia um cachorro preso na represa, nadando nas águas geladas do rio Parnu. Depois de abrir um caminho através do gelo, eles tiraram o animal da água, enrolaram-no em uma toalha e colocaram-no em um carro para aquecê-lo. “Tivemos que carregá-lo pela encosta. Ele pesava um pouco, lembra um dos trabalhadores.




Logo após levarem o animal para a clínica, os especialistas fizeram um exame, e finalmente perceberam com quem estavam lidando. Foi um caçador local que apontou que o animal  era na verdade um lobo, não um cão amigável, como se pensava anteriormente. Ele também confirmou que é do sexo masculino e tem cerca de um ano de idade.







Depois de serem informados sobre as origens do animal, a União de Proteção Animal da Estônia o levou ao Facebook e postou: “Quando chegamos à costa, o pobre lobo estava muito exausto, hipotérmico e congelado. Os trabalhadores entraram rapidamente no carro, trouxeram uma toalha e secaram o animal. Então ele o trouxeram para o carro quente e ligaram para a União de proteção animal. Também foi um desafio para o sindicato pensar no que fazer às 8 da manhã com um cachorro em perigo, que também poderia ser um lobo. ”




O lobo já recuperou à saúde e foi liberado na natureza depois que os pesquisadores da Agência Nacional do Meio Ambiente colocaram uma coleira de GPS no pescoço. A União da Estônia para a Proteção de Animais (EUPA) pagou pelo tratamento do lobo e depois disse à mídia: “Estamos muito felizes com o resultado da história e queremos agradecer a todos os participantes, especialmente aos homens que resgataram o lobo e os médicos da clínica que não tinham medo de tratar e nutrir o animal selvagem. ”








Gostou da matéria? Compartilhe este artigo. Isso nos ajuda a espalhar bons conteúdos nas redes sociais. Obrigado!
Via:Portal do Animal
Advertisement