Cachorro idoso chora ao ser abandonado no abrigo pela família para ser substituído por um cão mais novo.

- 7:26 PM



Quando recebemos em nossa casa um cão, aceitamos um novo membro na família. Aprendemos a amá-lo, a mimá-lo e dedicamos nosso tempo e atenção às suas necessidades. É quase como ter um bebê recém-nascido!

Nosso amor acompanha seu crescimento. Eles passam por uma fase, em que quase parece que já não necessitam tanto de nossa ajuda. Contudo, com a velhice chegando, tudo volta a ser como quando eles eram bebês. Ficam mais dependentes e nós como donos dedicados que somos, deixamos tudo e todos para trás, para passarmos aqueles que podem ser seus últimos dias na terra connosco.



É incompreensível o jeito cruel de algumas pessoas. Depois de uma vida de devoção a esse cachorro, seus donos o abandonaram em um canil. Como se isso já não fosse o bastante, seus olhos tristes foram testemunhas de algo doloroso: Seus donos escolheram outro cachorrinho mais jovem para substitui-lo!




“Ele está chorando por sua família”, disse um membro do canil San Bernardino. “Ele viu sua família ir embora e deixá-lo para morrer”.

Sua história foi rapidamente divulgada, de modo a que alguém se disponibilizasse para lhe oferecer “um maravilhoso lar adotivo temporário”.


Após um banho fizeram-se algumas contas e estimou-se que o animal devesse ter 15 anos. Após alguma investigação mais aprofundada, verificou-se que o animal não teria mais do que 8 ou 10 anos.

Infelizmente, Biscoito sofria de um câncer e seu corpo estava coberto de tumores.
A boa notícia é que devido a pessoas dedicadas aos animais, esse pequenote teve direito à uma cirurgia.


Devido à sua condição clínica, sua mamãe temporária e Pequenas Patas OC, a organização que ajudou a encontrar uma casa para esse patudo, decidiram que essa não era a melhor altura para que ele fosse adotado. “Ele vai ficar sob os cuidados do corpo de resgate para o resto de sua vida em um local adotivo”, escreveu Pequenas Patas.


Biscoito está recuperando bem e descansando muito. Já come por si mesmo e tem recebido montes de amor e atenção de sua família adotiva. Ele está aprendendo a ter sua própria caminha confortável e até já brinca com alguns brinquedos de sua preferência.


Via:Histórias com Valor
Advertisement