Itanhaém recebe cães para reforço em ações com entorpecentes. - Planeta dos Animais

Itanhaém recebe cães para reforço em ações com entorpecentes.

- 6:24 AM


Duas fêmeas de pastor belga malinois integram equipe da Guarda Civil Municipal, e servirão de apoio em operações de busca.

A Prefeitura de Itanhaém (SP) investe constantemente em melhorias na segurança pública do município. Assim, a Guarda Civil Municipal (GCM) recebeu dois cães da raça pastor belga Malinois para reforço no patrulhamento, que atuarão em ações preventivas e comunitárias.

E, além disso, servirão de apoio às forças policiais em operações de busca de armas, entorpecentes e contenção de suspeitos.

Os cães, ambas fêmeas, estão sob os cuidados e o comando da GCM, e recebem treinamentos diários para atuação nas ruas.

A Luna, que tem um ano e oito meses, foi adquirida pela Administração Municipal em fevereiro, e está treinada para faro com entorpecentes e socialização nas escolas municipais, onde interage com os alunos em atividades recreativas e de aprendizado.

cães GCM Itanhaém

Luna reforça equipe de patrulhamento da Prefeitura de Itanhaém. Foto: Divulgação/PMI

Nova sede

A Secretaria de Trânsito e Segurança Municipal receberá uma nova sede.

O novo equipamento será instalado em um espaço mais amplo e adaptado às necessidades da corporação. Além disso, o órgão irá abrigar o comando da Guarda Civil Municipal.

No local, está sendo estruturado o canil da GCM, que contará com departamento administrativo, banheiros, espaço para treinamento dos cães, três baias para abrigar os animais, sala para atendimento veterinário e depósito de ração. O prédio fica localizado na Avenida Tietê, 315, no Suarão.

Pastor Belga Malinois

Essa é uma raça excelente para cão de guarda, de defesa e proteção. O pastor Malinois é inteligente, ativo e extremamente leal com seus donos. Um cão super brincalhão e fácil de educar, que se dá muito bem em ambientes familiares.

O filhote, ainda sem nome, de apenas quatro meses, chegou há duas semanas por meio de doação de um canil que fornece cães policiais.

“A nossa nova integrante está passando por um processo de adaptação com treinamento de socialização. E só depois deste trabalho desenvolvido com o animal, é que será definido se ela atuará na parte de entorpecentes ou de ataque”, explica o comandante da GCM, Antônio Carlos da Silva.

 Via: mundodospets
Advertisement