Cadelinha Corre No Meio Do Trânsito, Arriscando Sua Vida, Implorando Por Ajuda Para Seu Dono.

- 3:19 PM


 


Milagro Muñoz Araya nunca tinha visto um cão tão dedicado ao seu dono, ela nunca o abandonou.


Araya e o marido pararam o carro perto do hospital veterinário onde ele trabalha quando viram uma cadelinha loira. Ela estava correndo para a frente e para trás pela estrada, desviando dos carros.




“Quando vi a cachorrinha correndo muito nervosa, soube que ela estava tentando nos dizer algo”, disse Araya ao The Dodo. “Então meu marido e eu estacionamos o carro para ver o que aconteceu com a pobre cadelinha.”


A cadela os conduziu até um homem que estava deitado no chão com uma bengala ao lado. Parecia que ele estava muito ferido.




“Meu marido e eu corremos imediatamente em direção ao homem, e a cadela correu conosco até onde o homem estava e começou a lambê-lo sem parar”, disse Araya. “Meu marido chamou a ambulância.”


Apesar de ter começado a chover, a cadelinha ficou ao lado do dono, nunca o deixando, disse Araya.




Quando a ambulância chegou, os médicos colocaram o homem em uma maca e o colocaram no veículo. A cadela também pulou.


“O paramédico deixou que ela se despedisse de seu dono, porque ela não tinha permissão para ficar na ambulância.”




Então, alguns dias depois, Araya voltou ao mesmo bairro para ver como estava o homem que havia recebido alta do hospital.


“Um rapaz me levou para onde o homem e seu cachorro moravam”, disse Araya. “Eles moravam em um caminhão.” Eles são muito pobres.


Araya se apresentou ao homem chamado Don Jorge e sua cadelinha se chamava “Chiquita”




“Fiquei muito feliz em ver que eles estavam indo bem”, disse Araya. “Mas, ao mesmo tempo, fiquei triste por eles serem de baixa renda. O homem tem um problema na perna que o impede de caminhar para comprar o remédio. Ele tem um vizinho com um grande coração que lhe dá comida e lava suas roupas. “


Se Jorge voltar a ter problemas, Araya tem certeza que Chiquita fará todo o possível para resgatar seu dono.


Como Araya é veterinária, ela decidiu fazer outra coisa para ajudar: levará Chiquita à clínica para ser esterilizada, vacinada, desparasitada e fazer exames de sangue.




“Acho muito importante que as pessoas conheçam esse tipo de história para que percebam que cuidam dos animais”, disse Araya. “Os animais são seres indefesos e de bom coração que precisam de nós para cuidar deles e não devem ser maltratados.”


Se gostou, compartilhe com seus amigos e familiares.


Via:Animais Queridos

Advertisement