Com o apoio e conforto de um cachorro, potrinho órfão enfrenta o luto.

- 6:23 PM

Os cães são os nossos melhores amigos e sabemos o quão profunda é a interação entre o homem e o animal neste caso. Um cão é capaz de perceber o nosso estado de espírito e, graças ao seu carinho e simpatia, consegue também nos livrar dos momentos mais difíceis.

“Ele é apenas um cachorro”, alguns pensariam, – mas seu amor pode nos curar quando mais precisamos. Com certeza, a empatia do cão também surge quando eles estão envolvidos na vida de outros animais.

A história do cachorro Zip, por exemplo, é uma prova tangível disso. Quando Zip percebeu que um dos potros da fazenda onde mora com seus donos ficou órfão, imediatamente fez o possível para aliviar a dor do animal. Sim, exatamente como um ser humano faria diante de uma perda assim.

Apesar de ser um cão pastor, Zip nunca se interessou muito pela vida na fazenda e, portanto, nunca teve muito contato com os cavalos. No entanto, quando ele encontrou com um potro que corria o risco de ficar sem mãe, Zip imediatamente partiu para uma espécie de missão, uma missão de “resgate”. O potro, de fato, estava caído no chão, separado da mãe doente e precisando ter aquela presença materna por perto. O potro, em geral, precisaria da mãe pelo menos até o desmame, ou seja, por volta dos 6 meses de idade, mas mesmo depois, apesar de ter adquirido bastante autonomia, continuará procurando sua mãe. Por outro lado, nós, humanos, entendemos muito bem esse apego aos pais!

Infelizmente, a mãe de Tye adoeceu logo após o nascimento do seu bebê e, apesar do tratamento e de todos os cuidados necessários, ela não conseguiu se recuperar.

Uma noite, Swindle, o dono, passou o tempo todo ao lado da égua, tentando não fazê-la sofrer muito. Ele realmente queria fazer algo por ela e salvá-la, mas aparentemente, não havia mais nada a ser feito. O cachorro Zip pressentiu que algo não estava indo bem, evidentemente, porque ficou a noite toda no estábulo, mostrando seu apoio ao potrinho triste. Quase parecia que Zip entendia a situação e pensava: “Esse potro precisa da minha ajuda!”. Na verdade, Tye estava muito triste, completamente caído no chão, mas Zip não perdeu tempo e ficou deitado ao lado dele o tempo todo.

Após cerca de seis semanas, Tye começou a se recuperar e, a partir de então, cresceu tão saudável e forte quanto um cavalo deveria ser. A ajuda de Zip parece ter sido fundamental e, mesmo agora, os dois brincam juntos de vez em quando. Claro, Tye ficou grande demais para Zip, mas nenhum dos dois parece ter esquecido de nada. Zip, como um bom “pai”, esteve presente e estará sempre presente nas horas de necessidade!

Via: Históriascomvalor

Advertisement